Camila Balbi

15 jun Entrevistas

por

Conheci a Camila em 2010, do outro lado do mundo, mais precisamente na cidade de Xangai, na China, quando ela morava lá e eu estava de passagem pelo país. Nós fomos apresentadas por uma grande amiga em comum, e assim pude conhecer melhor essa pessoa doce e muito profissional.

Cami foi criada no coração do Rio de Janeiro e começou a carreira de modelo aos 15 anos, quando se tornou finalista do concurso The Look of the Year, promovido pela Elite Models. Pouco tempo depois trocou a Praia de Copacabana por Miami como sua casa durante o outono/inverno e Paris como moradia na primavera/verão. Hoje vive em Lisboa, com o marido Daniel e os dois filhos, Oscar e Oliver, e só vem ao Brasil de férias. Recentemente nos encontramos e aproveitei para fazer essa entrevista para o BossaMe.

O sucesso na carreira proporcionou a oportunidade de viajar por todo o mundo e interagir com muitas línguas e culturas diferentes. Ela é muito grata por ter tido a experiência de morar em cidades como Xangai, Tóquio, Milão, Paris, Londres, Munique, Hamburgo, Sydney e Auckland. Com personalidade forte e muito carismática, deslanchou na carreira e criou um nome. Fez várias capas de revistas, comerciais de TV, campanhas publicitárias, editoriais e desfiles, para marcas como L’Oréal, Coca-Cola, Canon, Elle, Campari, Danone, Givenchy, Jose Cuervo, Rosa Chá, Porsche, entre outras.

Acima: Eu e Camila, no Rio, em 2012 e foto 2: eu, as amigas Liliam e Marcela, e Camila, quando nos conhecemos na China, em 2010

Como começou a sua carreira de modelo?
Foi culpa da minha mãe, era um sonho dela, que também era modelo, aliás, no tempo dela era Miss. Quando eu fiz 15 anos, ela me levou em um fotógrafo e fizemos algumas fotos para um concurso de Manequim do Norte Shopping e ganhei entre 2.000 candidatas. Depois teve um desfile com modelos profissionais e um dos jurados era um diretor da agência Elite. Ganhei em primeiro lugar, entrei para o time de modelos da agência e comecei. No primeiro casting que eu fiz com eles peguei o trabalho. Era um comercial para o Guaraná Simba, no Peru, e eu estava muito animada. Fiquei admirada com aquele meio, a partir daí minha carreira começou a decolar.

Alguns trabalhos

Como começou a vida fora do Brasil?
Por muita influência da minha mãe e muita vontade minha também de querer conhecer o mundo, pessoas diferentes, e ver coisas diferentes, não tive medo de encarar o desafio dos trabalhos no exterior. Eu participei do concurso The Look of The Year, no mesmo ano da Gisele Bündchen, fiquei entre as 10 e a Gisele tirou segundo lugar. A convite do John Casablancas, fundador da Agência Elite,  fui trabalhar em NYC. Aos 17 fui para Milão e daí fiquei viajando, eram 2 meses aqui e o resto fora. Já passei temporadas em mais de 40 países, Suíça, Espanha, Itália, França, Alemanha.

Você preferia passarela ou as campanhas?
O meu maior mercado foi comercial, publicidade, que eu adoro e profissionalmente era muito bom. No Brasil fiz muita passarela, Fashion Rio, SPFW, etc.

Ensaios fotográficos para campanhas e editoriais

Como está a vida hoje com marido e filhos? Como é conciliar carreira e família?
Sempre tive na cabeça que queria formar uma família e colocaria isso como prioridade. Conheci meu marido no Brasil em 2002, na época do Carnaval. Eu estava de férias e ele a trabalho. Daí pra frente não nos desgrudamos mais, fizemos 10 anos juntos em fevereiro e temos dois filhos.

E como começou seu relacionamento ‘cosmopolita’ com o Daniel (marido)?
Ele morava na Noruega e eu estava morando em Munique, Alemanha, temporariamente, pois minha vida eram 2 meses em cada lugar. Não era muito longe, então a gente se via com frequência, a cada semana, de 2002 a 2003, um ano todo assim. Depois disso, a gente decidiu morar no mesmo país, era uma paixão e se separar era tão difícil… Optamos ir para Londres. Organizamos tudo por lá, apartamento, etc. Depois de 10 meses, no inverno de Londres, encontramos a solução de morar em Miami, porque era perto de Nova York, onde eu poderia trabalhar bem. Miami foi um sonho, moramos 3 anos e isso não impediu de eu continuar trabalhando na Europa também. A gente estava muito envolvido, por isso que deu tudo certo. Depois ele recebeu a proposta de trabalho para morar em Paris e foi tudo se encaixando. Em 2008 fomos morar na China… Estava tudo engrenado pra gente casar.

Acima com seu marido Daniel | ensaio fotográfico | com o filho Oscar

Como foi a proposta de casamento?
Em 2008, Daniel estava em Paris e ligou pra minha agência solicitando um “time off” pra mim sem eu saber. A gente já morava há 7 anos juntos. Então, ele disse que ia me levar para um lugar e para eu levar roupas de verão. Fomos para a Costa Rica e, em uma cachoeira lindíssima, ele me pediu em casamento.

E onde foi o casamento?
Eu queria casar no Brasil e temos um amigo que tem uma ilha em Angra. Logo que nos conhecemos, ele me levou para conhecer esse lugar. Na época conversamos sobre como seria maravilhoso casar ali.  Mas na ilha desse amigo não cabia todo mundo, então pegamos a antiga Ilha de Caras – Ilha da piedade, que esse amigo tinha o contato. Isso foi em 2009. Então dividimos os 40 convidados entre duas ilhas. Eram portugueses, americanos, colombianos, de vários lugares. Nosso casamento durou uma semana. Uma mesa só, vários discursos, fotos de nós pequenos, piadas, escola de samba… Os gringos adoraram! Nas Havaianas não quis colocar os nomes, coloquei a bandeira brasileira e a bandeira sueca, que é o país natal do meu marido, apesar dele ter morado a vida toda em Portugal. Eu organizei tudo sozinha em 3 semanas.

Casamento de Camila e Daniel

Você teve seus filhos na China, como é essa relação para você?
Fiquei grávida e criei raízes na China. Foi uma grande mudança de vida e esse país foi muito especial. Fiquei 3 anos em Xangai e a cidade marcou minha vida pra sempre. Fiz ótimas amizades, conheci muita gente. Aliás conheci você na China (risos)! Foi inesquecível para mim, até porque meus dois filhos nasceram lá! O Oscar Rio (em homenagem ao Rio onde a gente se conheceu) hoje tem 3 anos, e o Oliver Daniel (porque ele é a cara do pai) fez um ano em março, loiro de olhos azuis, bem suequinho.

Como administra tudo isso, casa, marido, filhos, carreira, tantas viagens?
Acho que foi numa época muito boa que aconteceu isso tudo, já tinha 15 anos de carreira, fiz tudo o que eu sempre quis fazer e viajei o mundo inteiro. A gente faz muitas coisas, não é nada boring…. Acordar, levar as crianças na creche e amamentei os dois por oito meses. Eles adoram o Brasil e sempre estamos por aqui, perto da família.

Os filhos

Como é a sua rotina de beleza?
Malho que nem “uma condenada” (risos), tenho muito mais tempo de praticar exercício físico hoje, faço musculação e spinning. Antes era encaixar uma corrida de vez em quando e musculação quando chegava em cada hotel. Agora já consigo seguir uma rotina. Sempre segui uma dieta, minha mãe era vegetariana. Na minha casa não entra refrigerante. Nunca foi difícil fazer isso… Eu adoro comer, mas não sendo modelo hoje, não preciso ser tão magra mais. Não como frituras, nem açúcar, álcool comedidamente e comer de 3 em 3 horas, que é essencial para manter o metabolismo. E sempre tenho alguma coisinha na bolsa, como uma barrinha, nozes, etc.

Uma dica de beleza
Nunca dormir de maquiagem. E misturar açúcar em creme, já fiz isso várias vezes viajando quando não tenho um esfoliante a mão, coloco açúcar em um hidratante qualquer.

Um ícone fashion
Amo a Victoria Beckham. Ela é fashion da cabeça aos pés. Você já viu entrevistas com ela? Ela tira sarro de si mesma, escolheu aquilo pra ser um perfil. Gosto do estilo dela, mesmo não sendo a mulher mais linda do mundo, ela sabe se posicionar e se faz bonita.

Ícone de estilo: Victoria Beckham

Você fez campanhas para várias marcas grandes. É possível se vestir bem a um preço acessível?
Claro, não precisa ser tudo caro, adoro comprar em brechós. Não compro pelo preço, compro porque gosto, se está em uma marca cara ou não, para mim não é importante.

O que você leva na sua bolsa?
Batom, telefone, chave de casa, carteira, comidinhas (nozes, barrinhas e sementes), elástico de cabelo, desodorante. Máquina fotográfica (sempe!). Amo fotos e fotografar, fiz curso e já fui assistente de fotógrafo. Agora com filho, então, tem que ter sempre, não perco uma! Além disso, uma vez por ano eu faço um ensaio profissional com a família.

Marcas nacionais e internacionais?
Adoro Chloé! Aqui no Brasil, eu amo a Rosa Chá e Lenny para biquinis e Animale para roupas. Dica de achados bons e baratos no Rio: Galeria Santa Clara 33, em Copacabana.

Na China eu garimpo direto. Em Paris também, amo brechós! Essa bolsa aqui, eu paguei 45 euros em um brechó nos Invalides, no 7M.

O que Camila carrega em sua bolsa

Um pecado fashion
Sair com uma coisa que você não esta se sentindo confortável, vai ficar visível que não está certo. Você precisa ir de acordo com sua personalidade.

Um sonho
Sonho de ter a minha própria marca de moda. Penso em algo com jóias, tenho feito até alguns desenhos. Gostaria de ter o meu próprio conceito de moda e poder influenciar pessoas para as mulheres se cuidarem, se conhecerem, etc.

O que é bossa para você?
Bossa é um jeitinho, é suingue, charme, presença.

Mulher e homem com bossa
Cindy Crawford, que é um mulherão, tem família, carreira e se cuida muito. No Brasil admiro a Claudia Raia, que tem muita personalidade e a relação dela com o bem estar. De homem, meu marido! Mesmo não sendo brasileiro, ele tem muita bossa (risos).

Mulheres com bossa: Cindy Crawford e Claudia Raia

Mulher de 30 hoje?
Com 30 a gente está mais experiente. Se eu soubesse tudo que sei hoje, quando eu tinha 20… com 34 anos estou feliz, realizei muitos sonhos, conhecer o mundo, ter uma família e o sucesso no meu trabalho. Estou mais tranquila, sem muita ansiedade. A tendência é continuar, com a idade e experiência que a vida te dá. Para mim tem sido assim.

E daqui a 10 anos?
Não sei aonde estarei morando, mas quero estar bem com a minha família, ter sucesso no meu próximo passo de trabalho, algo relacionado a imagem, o que eu tenho feito, nada muito longe…

Como você define a Camila?
Sou super mãezona, família, já tive as minhas fases de sair, mas hoje sou mais caseira, atenciosa. Sou taurina, trabalhadora e quando boto uma coisa na minha cabeça eu faço!

Com a família

Mais informações sobre Camila Balbi é só entrar no site.

Fotos: arquivo pessoal

Compartilhe esse post

Comentários 6 comentários

  1. Arrasou no post..Tb a mesma idade sua e me sinto bem mais tranquila assim como vc.. Sorte na vida!

  2. Parabéns meninas,adorei a entrevista com a Camila. As fotos ficaram lindas! Bjs a todas!

  3. Uma modelo super profissional e super carismatica. Uma amiga tudo de bom. E uma mulher linda! Camila sempre teve sua luz ! Sempre teve garra e na verdade, muita coragem para afrontar mundos diferentes. ELa è maravilhosa e qdo esta sem maquiagem , consegue superar a beleza natural como fosse uma DEUSA ao acordar. QUE PELE, QUE SORRISO; QUE BELEZA ESCULTURAL! O que dizer mais: QUE ELA é SUPER POSITIVA E VERDADEIRA. QUEM SAI COM ELA, NAO PARA DE RIR e DE SE DIVERTIR! ELA é UM MUST !

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Facebook

Instagram


Muitas das imagens que aparecem no site podem vir de fontes externas, ao menos que sejam creditadas. Se alguma imagem pertence a você, seja fotógrafo ou detenha os direitos de uso e deseja a remoção do site BOSSAME.COM.BR, favor entrar em CONTATO, que prontamente retiraremos do ar. Obrigada.